CCB já está apto para estudar placas a partir de escaneamento a laser

O Centro Cerâmico do Brasil (CCB) busca sempre inovar seus métodos de ensaio para estar em conformidade com as tecnologias mais atualizadas e demandas do setor de revestimentos cerâmicos.

Sendo assim, está apto a estudar as placas cerâmicas a partir de escaneamentos das mesmas, através de um novo equipamento a laser que possibilita analisar os diversos tipos de relevo que a placa pode conter, aplicando recursos gráficos.  “Além dos relevos podemos analisar a movimentação das placas, a curvatura central e o empeno por comparação a um plano médio, mostrado graficamente através de cores e vetores”, disse a assistente de Projeto do CCB, Janaína Ticiano. Segundo ela, a equipe do CCB está continuamente trabalhando para uma melhor aplicação do equipamento, que também  auxilia em estudos como o de carregamento e planicidade. “Estamos abertos a mostrar e explicar o equipamento para todos”, disse.

 

Sobre o braço a laser

O CCB, com o apoio da Associação Paulista das Cerâmicas de Revestimento (Aspacer)  e da Associação Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres (Anfacer), adquiriu o equipamento braço tridimensional a laser FARO EDGE, que possibilitará uma ampla pesquisa tecnológica para o desenvolvimento de uma nova metodologia de ensaio para a medição das características dimensionais de placas cerâmicas de grande formato, com exatidão e controle mais preciso. Além das características dimensionais, este equipamento possibilitará o estudo de características superficiais (como peças com relevo), bem como um estudo, inédito no Brasil, para medição de curva de EPU natural de placas cerâmicas desde a saída do forno de queima até a quantidade de anos que se deseja. Esta tecnologia já é muita difundida e utilizada na indústria automobilística.

Desde o ano passado, o Comitê Técnico ISO/TC 189 vem estudando as medições das placas cerâmicas utilizando o braço a laser, algo inédito,  já que o CCB foi o primeiro laboratório a adquirir este equipamento no mundo.

CCB realizará segunda Semana Interna de Prevenção de Acidentes

Sipat acontecerá de 17 a 21 de dezembro com diversas palestras e atividades

De 17 a 21 de dezembro, o Centro Cerâmico do Brasil (CCB), por meio de sua Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa), realizará a segunda edição da Semana Interna de Prevenção de Acidentes (Sipat), que reunirá os colaboradores e funcionários nas palestras que serão relacionadas à saúde e qualidade de vida.

Na segunda-feira (17) de abertura, às 8h30, a psicóloga Camila Zelenovski ministrará a palestra sobre “Inteligência Emocional”. Já na terça (18), das 14 horas às 17 horas, os cursos de Nutrição, Farmácia e Fisioterapia da ASSER de Rio Claro vão oferecer quicky massage, aferição de glicemia e informações nutricionais.

Na quarta-feira (19), o tema ministrado será “Doenças Sexualmente Transmissíveis: Manifestações, Consequências, Prevenção e Tratamento”, com a enfermeira Monique de Grande Xavier, às 10 horas.

Na quinta-feira (20), será a vez da palestra sobre “Prevenção de Acidente do Trabalho”, com o técnico Wagner Marques. Na sexta-feira (21), será realizado o encerramento da SIPAT do CCB a partir das 8 horas.

A Semana Interna de Prevenção de Acidentes por legislação  deve obrigatoriamente fazer parte do calendário da Cipa  para que alguns temas obrigatórios sejam trabalhados anualmente com os colaboradores, como a Aids e as DSTs e palestras.

 

Comissão Técnica de Laboratórios de Ensaios realiza última reunião do ano

Foi realizada na Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP),  em São Paulo,  a última reunião de 2018 da Comissão Técnica de Laboratórios de Ensaios em Construção Civil – CT01, no dia 6 de dezembro.

Na reunião os laboratórios coordenadores fizeram as apresentações dos programas interlaboratoriais.

O CCB apresentou os resultados do 19º Programa Interlaboratorial de Placas Cerâmicas e do 6º Programa Intelaboratorial de Telhas de Concreto.

De acordo com a coordenadora da Qualidade do CCB, Fernanda Castelo de Paula, os  programas interlaboratoriais têm o objetivo de determinar a proficiência dos laboratórios para realização de ensaios, através de comparações entre os resultados obtidos entre os participantes. “ Dessa forma, estes programas são de suma importância para a manutenção da qualidade dos laboratórios”, explicou.

CCB participa do Seminário Brasileiro de Revestimentos Cerâmicos Sustentáveis

Nos dias 27 e 29 de novembro, a ANFACER promoveu o Seminário sobre Sustentabilidade nas cidades de Santa Gertrudes (São Paulo) e Criciúma (Santa Catarina), respectivamente.

A superintendente do CCB, Ana Paula Menegazzo, participou do evento que
marcou o preview de lançamento do Programa de Sustentabilidade Setorial, com objetivo de estimular o desenvolvimento sustentável do segmento.

O programa visa ainda posicionar a indústria nacional de revestimento cerâmico; promover a inovação para a sustentabilidade empresarial; disseminar, gerar conteúdo, conhecimento e evolução sobre o tema; alavancar a economia sustentável na indústria cerâmica brasileira; desenvolver conteúdo que diferencie nosso produto na construção civil, entre outros.
Fonte: Anfacer

CCB é eleito mais uma vez como Fornecedor do Ano

XVII Prêmio Mundo Cerâmico aconteceu nesta quarta-feira no MAM, em São Paulo

Nesta quarta-feira (28/11), aconteceu a entrega do XVII Prêmio Mundo Cerâmico, realizada no Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM), no Ibirapuera.

O CCB, mais uma vez, venceu como Fornecedor do Ano na categoria Institutos de Ensino, Qualidade e Pesquisa e teve seu prêmio entregue à superintendente Ana Paula Menegazzo. “Estamos nos esforçando para que a cada ano fortaleçamos a cadeia produtiva da construção civil, por meio de ações voltadas à evolução da qualidade e inovação tecnológica. Sendo assim, é uma honra muito grande poder receber esse prêmio e agradecemos a todos que confiam na gente até hoje”, disse Ana Paula.

O resultado considerado é obtido exclusivamente através dos votos das indústrias cerâmicas do Brasil.

Foram premiados especialmente como Ceramista do Ano, Sr. Edson Gaidzinski Jr. e a Empresa do Ano, Eliane, que agora faz parte de Mohawk Industries, maior empresa mundial de cerâmica.

A premiação é uma realização da Revista Mundo Cerâmico.

 

Feira Internacional de Equipamentos para Mineração e Construção tem nova data

O CCB está apoiando a Feira e Congresso M&T Expo Máquinas e Equipamentos, a Feira Internacional de Equipamentos para Mineração e Construção que, nesta edição de 2018, estará apresentando as últimas novidades e tendências.

O evento acontecerá nos dias 26 a 29 de novembro de 2018, sendo de 26 a 28: das 13 horas às 20 horas  e no dia 29: das 9 horas às 16 horas, na São Paulo Expo, Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 – Vila Água Funda, SP 

Serão mais de 400 expositores nacionais e internacionais do setor e uma grade completa de palestras no Summit Expo 2018. São esperados mais de 45 mil visitantes.

A Feira Internacional de Equipamentos para Mineração e Construção completa 23 anos e é considerada o maior evento de negócios do setor na América Latina e uma das principais exposições do segmento em nível mundial.  Promovida a cada três anos, tem sua trajetória bem-sucedida ligada diretamente à evolução da área de máquinas no Brasil.

Serviço: M&T Expo Máquinas e Equipamentos 2018

Data: De 26 a 29 de novembro de 2018

Local: São Paulo Expo, SP – Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5

Inscrições e credenciamento AQUI

 

CCB recepciona delegações internacionais do setor cerâmico

No último sábado (10/11), representantes dos maiores produtores de revestimentos cerâmicos do mundo estiveram no CCB visitando e conhecendo os laboratórios.

A vista antecedeu a Reunião do Comitê Internacional da ISO TC 189 – Ceramic Tiles Committee, realizada pela ISO e pela Anfacer, que aconteceu de 12 a 14 de novembro, no Palácio Tangará, em São Paulo.

O objetivo da Reunião, que tem como representantes do Brasil, a superintendente do CCB, Ana Paula Menegazzo, a consultora Técnica da Anfacer, Amanda Neme e a secretária do Comitê Brasileiro de Placas Cerâmicas para Revestimento da Anfacer, Laura Paiva, é elaborar e revisar as normas relacionadas ao setor cerâmico mundialmente, com cerca de 50 representantes dos países: Alemanha, Austrália, Brasil, Canadá, China, Espanha, EUA, Filipinas, França, India, Inglaterra, Israel, Itália, Japão, Jordânia, México, Noruega, Portugal, Quênia, Suécia e Turquia.

Na visita ao CCB, a delegação foi recepcionada por Ana Paula Menegazzo e equipe, que fez uma breve apresentação sobre a atuação do CCB não só no Brasil, mas também no mundo. “Buscamos ser referência nacional e internacional em qualidade e inovação tecnológica na cadeia produtiva da indústria cerâmica e no auxílio no desenvolvimento de normas internacionais junto ao ISO/TC 189. Por isso, é uma honra receber todos aqui, pois nos dá a oportunidade de mostrar de perto o que fazemos para fortalecer a cadeia produtiva da construção civil, por meio de ações voltadas à evolução da qualidade e inovação tecnológica”, disse Ana Paula.

Divididos em dois grupos para a visitação aos laboratórios e acompanhamento dos ensaios realizados, o representante da delegação americana, Bill Grease, afirmou ter ficado impressionado com a estrutura do CCB. “Já estive em diversas reuniões e em diferentes laboratórios e afirmo que, durante anos, eu só ouvia falar do CC e, por isso, foi muito gratificante essa primeira visita pessoalmente e estou impressionado com os laboratórios”, disse o americano.

Representando a delegação mexicana, Juan Jacobo, também se encantou com o trabalho desenvolvido no CCB. “Muito interessante ter visto todo o suporte que os laboratórios oferecem e achei muito completo. Além do mais, achei incrível a experiência que o pessoal tem e isso só nos mostra a expertise do CCB em colocar o Brasil como um dos tops para a indústria”, disse.

O pesquisador australiano Richard Bowman esteve durante toda a semana no CCB e disse: “Esta recepção foi muito importante e quero guardar na memória e deixar registrado tudo que aprendi sobre o trabalho do CCB”, finalizou.

Também estiveram presentes na recepção ao CCB, representando a Anfacer, o conselheiro Heitor Ribeiro de Almeida Neto, o CEO, Antonio Carlos Kieling, o diretor Executivo, Mauricio Borges e da Aspacer, o presidente Benjamin Ferreira Neto, o diretor Executivo Almir Guiherme e o diretor de Relações Institucionais e Governamentais, Luís Fernando Quilici.

 

 

 

 

 

Designer do CCB foi jurado da 6º edição do Concurso de Desenho Infantil da Aspacer

Em outubro, a Aspacer realizou o 6º Concurso de Desenho Infantil, para a escolha do cartão oficial das festividades de final de ano da Associação, com o tema “A Cidade que eu Quero para Viver”.

O designer do CCB, Marcos Serafim, foi curador desse evento que reuniu 165 crianças com idade entre 6 a 11 anos. Participaram filhos e enteados de funcionários das empresas associadas a Aspacer e ao Sincer.  “Pudemos avaliar que as crianças exploram muito bem o tema proposto e apresentaram trabalhos bem diversificados”, disse Serafim.

Os primeiros colocados vão ter seus desenhos estampados no cartão de Natal das entidades além ganharem um tablet (1º e 2º colocação). Já do 3º ao 5º, a premiação foi um brinquedo educativo e uma menção honrosa. Todos ganharam certificado de participação. “

O evento contou também com a participação do SESI, que organizou brincadeira e promoveu uma interação com as crianças durante todo o evento.

Confira o resultado NESTE LINK.

Fonte e fotos: Aspacer

CCB é acreditado para novos ensaios pelo CGCRE Inmetro

Ensaios de placas cerâmicas para revestimento de acordo com normas americanas também foram avaliados

De 15 a 19 de outubro, o LabCCB  recebeu os avaliadores Carlos Teixeira de Assumpção e João Carlos Marques, ambos da Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro, com o objetivo de avaliar a conformidade do sistema de gestão com a norma ABNT NBR ISO/IEC 17025:2017 e normas aplicáveis a realização dos ensaios do escopo do laboratório.

Ao fim da avaliação concluiu-se que o sistema está implementado de acordo com a referida norma e que o laboratório está apto a receber a extensão de sua acreditação para os ensaios de: Argamassas colantes industrializadas para assentamento de placas cerâmicas conforme ABNT NBR 14081 partes 2, 3, 4 e 5;Determinação da estanqueidade à água de acordo com as normas ABNT NBR 15575-5 – Anexo D e ABNT NBR 13858-2- Anexo G; Lajes pré-fabricadas conforme ABNT NBR 15522 e Placas cerâmicas para revestimento de acordo com as normas ASTM (americanas).

“O Próximo passo agora é esperar chegar o certificado de conformidade e logo estaremos aptos a realizações desses ensaios acreditados”, disse a coordenadora da Qualidade do CCB, Fernanda Castelo.

CCB receberá visita de delegação internacional do Comitê Técnico ISO TC/189

De 10 a 15 de novembro, a ABNT e a Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos (Anfacer), promoverá a 28ª Reunião do Technical Committees ISO TC/189, reunião para revisão de normas internacionais de placas cerâmicas que acontecerá pela segunda vez no Brasil.

No dia 10, o CCB abrirá as suas portas e terá a honra de receber em sua sede a visita dos delegandos de vários países que participarão desta reunião para conhecer todo o trabalho realizado nos laboratórios e, para apresentar, também, a importância da certificação da qualidade no Brasil.

A última Reunião da ISO TC/189 aconteceu de 04 a 06 de dezembro na China e a superintendente do CCB, Ana Paula Menegazzo, representou o Brasil como chefe da delegação, juntamente com o Diretor Executivo da ANFACER Sr. Mauricio Borges.        Nesta reunião, a Sra Ana Paula fez uma apresentação sobre a norma brasileira de porcelanato (ABNT NBR 15463), primeira norma específica para produto tipologia porcelanato publicada no mundo.

 Sobre Technical Committee ISO/TC 189

No ano de 2017 a produção mundial de revestimentos cerâmicos passou por um ritmo mais lento de crescimento, em que a produção e consumo subiram apenas 2,2% (para 13,5 bilhões e 13,3 bilhões de metros quadrados, respectivamente) e os fluxos de importação-exportação, pela primeira vez em nove anos, decaíram para 2,754 bilhões de metros quadrados (-1,4%). Esses números globais refletem tendências heterogêneas nas diversas regiões e entre os principais países produtores e exportadores. Em um segmento de grande importância mundial, ter uma normalização internacional que abrange o interesse de todos os países e que seja revisada com frequência a se adequar às inovações constantes de tecnologia é uma prioridade do Comitê Técnico ISO/TC 189 – Ceramic Tile.

O Comitê Técnico ISO/TC 189 – Ceramic Tile possui 27 normas internacionais publicadas, nove normas em desenvolvimento, conta com 31 membros participantes, sendo o Brasil um deles, e 26 membros observadores.

A estrutura de trabalho deste Comitê envolve 10 grupos de trabalhos (WG’s):

– WG 1: Métodos de ensaios

– WG 2: Especificação de produtos

– WG 3: Produtos para instalação

– WG 4: Placas finas

– WG 6: Métodos de instalação

– WG 7: Sustentabilidade para sistemas com placas cerâmicas

– WG 8: Propriedades antimicrobianas de superfícies de placas cerâmicas

– WG 9: Adesivos de baixo módulo para acabamento externo com placa cerâmica

– WG 10: Medição de resistência ao deslizamento para placa cerâmica

– WG 11: Membrana de desacoplamento para instalação de placas cerâmicas

Segundo Ana Paula, o Brasil tem sido muito demandado tecnicamente nas reuniões do Comitê Técnico ISO/TC 189, de forma a trazer importantes contribuições nas revisões das normas internacionais referentes às placas cerâmicas. Atualmente estamos trabalhando fortemente para o desenvolvimento de um método para a determinação das características dimensionais de produtos de grande formato (acima de 60X60 cm) utilizando um braço tridimensional a laser. Já fizemos um estudo para avaliar a influência do corte da placa cerâmica no resultado do ensaio de carga de ruptura e módulo de resistência à flexão, também fizemos um comparativo para avaliar os métodos de resistência ao escorregamento usando três equipamentos diferentes: scivolosimetro, pêndulo e BOT 3000 e, na próxima reunião, apresentaremos uma sugestão de metodologia para avaliar resistência a mancha d’água do tardoz de placas cerâmicas esmaltadas, disse Ana Paula reforçando que visita às instalações do CCB permitirá que as delegações internacionais acompanhem as medições das placas cerâmicas utilizando o braço a laser (primeira vez que isto será possível, uma vez que o CCB foi o primeiro laboratório a adquirir este equipamento no mundo), bem como apresentar para os outros países os outros laboratórios de destaque como de ensaios de desempenho em edificações.