CCB já está apto para estudar placas a partir de escaneamento a laser

O Centro Cerâmico do Brasil (CCB) busca sempre inovar seus métodos de ensaio para estar em conformidade com as tecnologias mais atualizadas e demandas do setor de revestimentos cerâmicos.

Sendo assim, está apto a estudar as placas cerâmicas a partir de escaneamentos das mesmas, através de um novo equipamento a laser que possibilita analisar os diversos tipos de relevo que a placa pode conter, aplicando recursos gráficos.  “Além dos relevos podemos analisar a movimentação das placas, a curvatura central e o empeno por comparação a um plano médio, mostrado graficamente através de cores e vetores”, disse a assistente de Projeto do CCB, Janaína Ticiano. Segundo ela, a equipe do CCB está continuamente trabalhando para uma melhor aplicação do equipamento, que também  auxilia em estudos como o de carregamento e planicidade. “Estamos abertos a mostrar e explicar o equipamento para todos”, disse.

 

Sobre o braço a laser

O CCB, com o apoio da Associação Paulista das Cerâmicas de Revestimento (Aspacer)  e da Associação Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres (Anfacer), adquiriu o equipamento braço tridimensional a laser FARO EDGE, que possibilitará uma ampla pesquisa tecnológica para o desenvolvimento de uma nova metodologia de ensaio para a medição das características dimensionais de placas cerâmicas de grande formato, com exatidão e controle mais preciso. Além das características dimensionais, este equipamento possibilitará o estudo de características superficiais (como peças com relevo), bem como um estudo, inédito no Brasil, para medição de curva de EPU natural de placas cerâmicas desde a saída do forno de queima até a quantidade de anos que se deseja. Esta tecnologia já é muita difundida e utilizada na indústria automobilística.

Desde o ano passado, o Comitê Técnico ISO/TC 189 vem estudando as medições das placas cerâmicas utilizando o braço a laser, algo inédito,  já que o CCB foi o primeiro laboratório a adquirir este equipamento no mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *