Mais de 80% do mercado brasileiro de placas cerâmicas é certificado pelo CCB

Porcentagem marca o mês de comemoração da Qualidade

 No dia 9 de novembro foi comemorado o Dia Mundial da Qualidade, data criada pela Organização das Nações Unidas, a ONU, com o objetivo de promover a conscientização mundial do papel que a qualidade tem para o crescimento e a prosperidade organizacional e nacional de um país.

Nesse sentido, o CCB foi o primeiro Organismo Certificador da Qualidade de produtos cerâmicos e exerce hoje um papel fundamental no desenvolvimento tecnológico e da qualidade dos produtos da indústria cerâmica brasileira, através do LabCCB, que desenvolve os controles tecnológicos para os produtos por meio de caracterização física dos materiais e da Certificação, que atua fortemente na avaliação do sistema de gestão da qualidade  e dos processos produtivos como mecanismo de garantia do produto dentro das normas técnicas.

Atuando também como Centro de Inovação Tecnológica , o CITEC/CCB coordena hoje duas comissões técnicas da ABNT CE – 179 que abordam a revisão das normas técnicas de placas e telhas cerâmicas.

Segundo reforça o gerente de Certificação do CCB, Marcelo Dias Caridade, no setor da construção civil existem novas tecnologias de construção acompanhadas pela inovação dos materiais. “Os serviços desenvolvidos pelo CCB contribuem para a melhoria do desempenho dos produtos frente aos concorrentes e o nosso diferencial está na contribuição da Qualidade, através do Selo de Conformidade ou Selo de Segurança, que são atrelados aos programas de Certificação da Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro”. O Selo, no entanto, é uma garantia que o produto atende as normas técnicas brasileiras o que significa a segurança para o consumidor, empresa e lojas de materiais para construção.

Nesse ínterim, para a exportação, canal de venda em expansão atualmente, é quase obrigatório a Certificação de Produto por um organismo independente.

“Mais de 80 por cento do mercado brasileiro de placas cerâmicas é certificado pelo CCB demonstrando que o Selo de Qualidade é amplamente aceito pelo segmento da construção civil “, finalizou Caridade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *