CCB avança no mercado internacional para exportação de produtos

Dentre as principais atuações internacionais do CCB está a recente parceria com a certificadora espanhola, o TCNA dos Estados Unidos e a Arábia Saudita

 Há mais de 20 anos trazendo qualidade ao setor da construção civil por todo o país, o Centro Cerâmico do Brasil (CCB) cresceu, ampliou o seu escopo de atuação e agora tem trabalhado também para alavancar o setor cerâmico na exportação de seus produtos.

Dentre as principais atuações internacionais do CCB está a recente parceria com a certificadora espanhola Aenor (Asociación Española de Normalización y Certificación) para execução das amostragens e ensaios conforme norma ISO 10545. Neste contexto, o CCB realizou a extensão de escopo de acreditação junto ao Inmetro para os ensaios:  ISO 10545-2, Ceramic tiles — Part 2: Determinação das dimensões e qualidade superficial; ISO 10545-3, Ceramic tiles — Part 3: Determinação da absorção de água, porosidade aparente, densidade relativa aparente e densidade aparente; ISO 10545-4, Ceramic tiles — Part 4: Determinação da carga de ruptura e módulo de resistência à flexão;  ISO 10545-6, Ceramic tiles — Part 6: Determinação da resistência à abrasão profunda para placas não esmaltadas; ISO 10545-7, Ceramic tiles — Part 7: Determinação da resistência à abrasão superficial de placas esmaltadas;  ISO 10545-8, Ceramic tiles — Part 8: Determinação da expansão térmica linear;  ISO 10545-10, Ceramic tiles — Part 10: Determinação da expansão por umidade;  ISO 10545-11, Ceramic tiles — Part 11: Determinação da resistência ao gretamento para placas esmaltadas;  ISO 10545-13, Ceramic tiles — Part 13: Determinação da resistência ao ataque químico e  ISO 10545-14, Ceramic tiles — Part 14: Determinação da resistência ao manchamento. “Com esta parceria, já ajudamos várias empresas tanto aqui da região como do sul do país a exportar seus produtos para o Equador”, explicou a superintendente do CCB, Ana Paula Menegazzo.

Apoiando a Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres (Anfacer), o CCB está participando de um interlaboratorial do ensaio de absorção de água (ASTM C 373) junto ao laboratório americano TCNA visando realizar a convergência regulatória para o aceite da certificação de porcelanatos pelos Estados Unidos.

Em paralelo, segundo Ana Paula, o CCB está solicitando a extensão de escopo junto ao Inmetro para os ensaios de Absorção Vácuo, Empeno,  Dimensões e Espessura, Retitude dos Lados, Resistência Mecânica, Resistência Química, Abrasão Superficial, Abrasão Profunda, Manchamento e DCOF Test – ANSI A 326.3. “Também fizemos uma parceria com a Anfacer e a Aspacer para adquirir dois equipamentos de extrema importância para a execução dos ensaios conforme a norma americana ASTM: o braço a laser, que terá o objetivo de realizar medidas dimensionais para a medição das características geométricas de placas cerâmicas em grandes formatos, e o BOT 3000E para a realização do DCOF Test “, falou Paula.

O CCB já receberá também os primeiros ensaios para exportação para a Arábia Saudita, que serão realizados conforme a ISO 10545.

LabCCB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *